Os 10 anos da Lei Maria da Penha devem ser comemorados reforçando as ações em defesa da mulher e proteção contra a violência. Respeito e dignidade para todas.

Cumprimos a promessa e aprovamos o PLC 38 que iguala a remuneração de bombeiros e militares do ex-território de RR com o Governo do DF. Uma grande conquista

Tv Rádio Jornais
Pronunciamentos Matérias Relatadas Projetos Currículo
Notícia
Aumentar tamanho fonte Diminuir tamanho da fonte
24/08/2017

Jucá articula parceria com Governo Federal para lidar com a imigração venezuelana

Foto: Benicio Junior
Jucá articula parceria com Governo Federal para lidar com a imigração venezuelana

Em coletiva realizada nesta quinta-feira (24), o senador Romero Jucá e a prefeita Teresa Surita anunciaram os primeiros resultados obtidos a partir do encontro realizado com a equipe ministerial do Governo Federal.

 

Durante o encontro em Brasília, articulado pelo senador Romero Jucá, a equipe da Prefeitura apresentou uma sugestão de plano de trabalho. Alguns itens já foram acatados pelo Governo Federal e começam a ser colocados em prática imediatamente.

 

“Roraima enfrenta uma situação muito delicada e precisamos agir de maneira muito responsável. Com essa articulação, cada parceiro está cumprindo a sua parcela de contribuição e a Prefeitura assume o compromisso de contribuir com o atendimento aos venezuelanos”, explicou o senador Romero Jucá.

 

Entre as ações já definidas está a instalação de um ponto de recepção dos imigrantes e reforma do abrigo em Pacaraima; instalação de um Centro de Triagem e Controle, no Terminal do Caimbé em Boa Vista e a oferta do aluguel solidário. Também foi confirmada a parceria com a Força Área Brasileira (FAB) para oferta de vagas aos venezuelanos em voos para São Paulo, como forma de contribuir com os imigrantes que desejam construir uma nova vida em outros Estados brasileiros.

 

“Estamos trabalho em parceria com a Prefeitura de Pacaraima e aceitando todas as sugestões. De fato, lidar com essa situação não é uma responsabilidade direta da Prefeitura. Mas, fomos chamados para atuar de maneira eficiente e responsável, principalmente, diante do aumento do fluxo migratório que mostrou um salto de 40% entre junho e julho”, afirmou a prefeita Teresa Surita.

 

Paulo Torquato, prefeito de Pacaraima também destacou a importância dessa parceria para garantir um maior controle da situação. “Estamos na porta de entrada e sofremos o impacto direto do fluxo migratório. Hoje, temos um número grande de indígenas Waraos e estamos passando por uma situação delicada de segurança. Fico feliz em fazer parte deste trabalho que permitirá um atendimento mais humano aos venezuelanos que também são nossos irmãos”, disse.

 

Energia – O senador Romero Jucá, aproveitou a coletiva para esclarecer questões como a situação energética de Roraima. “Não há risco de desabastecimento em Roraima. A energia de Guri que consumimos é paga em dólar e a Venezuela também depende desse recurso. Além disso, nos antecipamos a essa questão e trouxemos para Roraima, um parque de geradoras Termoelétricas que tem capacidade para suprir toda a demanda do Estado. Temos ainda, o compromisso do presidente Michel Temer de concluir a obra do Linhão de Tucuruí que resolve definitivamente essa questão”

 

Controle da emissão de refúgios/permanência –  Jucá deixou claro que sua proposta de fechamento das fronteiras se refere, neste momento, exclusivamente a um maior controle no recebimento de pedidos de refúgio ou permanência no Estado. “Esse trabalho que estamos realizando agora, nos dará uma real dimensão da situação com a qual estamos lidando. Sou favorável a que, no momento em que atingirmos a nossa capacidade de atendimentos, suspender o recebimento desses pedidos. Por enquanto, ainda temos condições de atender e, estamos buscando melhorar o acolhimento aos venezuelanos. Mas, precisamos pensar em cenário futuros que podem demandar decisões diferentes das que temos agora”.

 

Enviar comentário:



acompanhe o senador