Os 10 anos da Lei Maria da Penha devem ser comemorados reforçando as ações em defesa da mulher e proteção contra a violência. Respeito e dignidade para todas.

Cumprimos a promessa e aprovamos o PLC 38 que iguala a remuneração de bombeiros e militares do ex-território de RR com o Governo do DF. Uma grande conquista

Tv Rádio Jornais
Pronunciamentos Matérias Relatadas Projetos Currículo
Notícia
Aumentar tamanho fonte Diminuir tamanho da fonte
13/09/2017

Indígenas do DSEI-Leste terão novo local de acolhimento

Foto: Benicio Moreira
Indígenas do DSEI-Leste terão novo local de acolhimento

A Coordenação do Distrito Sanitário Leste de Roraima (DSEI Leste) formalizou na tarde desta quarta-feira (13), a assinatura do contrato de locação da Casa de Cura da Diocese de Roraima. O prédio funcionará como Casa de Apoio à Saúde Indígena – Casai DSEI-Leste, espaço de acolhimento que atenderá aos 50 mil indígenas de 320 comunidades assistidas pelo Distrito.

 

No momento, estão sendo realizados reparos estruturais no prédio que será organizado conforme as etnias. A previsão é que o espaço revitalizado seja entregue ainda em dezembro.

 

A nova Casa de Acolhimento do DSEI-Leste funcionará na sede da Casa de Cura, localizada às margens da BR 174, saída para Mucajaí. O local funcionará como casa de passagem e de apoio para os indígenas que buscam o tratamento de saúde ofertado na capital. Antes, esse acolhimento era feito em residências menores espalhadas pela cidade ou ainda, na sede da Casai Yanomami.

 

A indígena Maria de Fátima Peres vive na comunidade de Curicaca, em Pacaraima que integra o território da Terra Indígena de São Marcos. Só nessa área vivem mais de 7 mil indígenas. Ela é presidente do Conselho Local de Saúde e explicou a importância da criação de uma estrutura de acolhimentos específica para a população do DSEI-Leste.

 

“Tínhamos muitos conflitos com os Yanomami por questões culturais, e ficava difícil dividir o mesmo espaço da Casai com eles. Por isso, fizemos o pedido para a criação de um espaço próprio para nossas comunidades. Com a criação da nossa Casai, o atendimento ao nosso povo fica muito melhor”.

 

Os recursos para formalização do contrato foram obtidos por meio de uma emenda parlamentar do senador Romero Jucá. Além da locação desse imóvel, o senador também viabilizou os recursos para a compra de gado que será distribuído nas comunidades indígenas, fomentando a economia e a subsistência desses povos.

 

“Sei o quanto o funcionamento dessa nova Casai é importante para quem vive nas comunidades do DSEI-Leste. Foi uma reivindicação que fiz questão de atender, buscando os recursos para que essa estrutura fosse organizada. Também estou trabalhando no apoio ao desenvolvimento da bovinocultura nas comunidades indígenas e na estruturação dos equipamentos de energia e de acesso à internet”, destacou o senador.

 

Conforme o coordenador do DSEI-Leste, Joseilson Câmara, o funcionamento desse novo espaço representa a realização de um sonho para as comunidade. “Essa é uma reivindicação antiga desses povos que conseguimos atender com apoio do senador Romero Jucá. Estamos fazendo reparos na estrutura o prédio para garantir que nossos indígenas sejam recebidos com qualidade”.

 

Para o bispo de Roraima, Dom Mário Antônio da Silva, a iniciativa demostra compromisso com a valorização dos povos indígenas. “Ter saúde é muito mais que não tomar remédios, mas é viver com dignidade. Parabenizo todos que se empenharam nesse cuidado com a vida”, afirmou.

Enviar comentário:



acompanhe o senador