Os 10 anos da Lei Maria da Penha devem ser comemorados reforçando as ações em defesa da mulher e proteção contra a violência. Respeito e dignidade para todas.

Cumprimos a promessa e aprovamos o PLC 38 que iguala a remuneração de bombeiros e militares do ex-território de RR com o Governo do DF. Uma grande conquista

Tv Rádio Jornais
Pronunciamentos Matérias Relatadas Projetos Currículo
Notícia
Aumentar tamanho fonte Diminuir tamanho da fonte
14/05/2018

680 cabeças de gado são entregues em Bonfim

Foto: Benicio Moreira
680 cabeças de gado são entregues em Bonfim

Nesta segunda-feira (14), foi realizada a segunda entrega de gado do projeto de bovinocultura indígena de Roraima, atendendo a 19 comunidade do município de Bonfim. No total, foram 680 animais entre fêmeas e reprodutores adquiridos por meio da Funai, com recursos garantidos pelo senador Romero Jucá em parceria com o deputado federal Edio Lopes.

 

Esse é o maior projeto de sustentabilidade para povos indígenas desenvolvido no país, aproveitando a pecuária que se tornou uma atividade tradicional entre os indígenas de Roraima. Para muitas comunidades, o rebanho representa a reserva financeira das famílias, como explica o Tuxaua de Manauá, Jhonin Pereira.

 

“Nós já criamos gado, já temos rebanho mas esse projeto vem fortalecer o nosso trabalho. O gado que estamos recebendo será comunitário, cuidado por todos. Para nós é muito importante porque os animais que criamos servem para várias situações, como nosso sustento financeiro, alimento e em momentos de dificuldade, por exemplo, quando alguém está doente e precisa de uma ajuda, a gente vende um animal e consegue fazer isso”.

 

Manauá possui um rebanho estimado em 100 cabeças de gado. De acordo com o número de famílias do Censo realizado pela Funai, a comunidade recebeu 80 novos animais, sendo 76 fêmeas e quatro reprodutores. No total, são mais 8 mil animais distribuído entre comunidades indígenas desde o Uiramutã até os Wai-Wai, no Sul de Roraima.

 

“Estou trabalhando muito, não só com o gado, mas com projetos nas área de educação, saúde, energia, abastecimento de água e internet. Ou seja, é um projeto integrado para melhorar a condição de vida dessas populações. Eu fico feliz e vou continuar trabalhando para que as comunidades indígenas de Roraima sejam um exemplo e tenham uma condição de vida muito melhor”, afirmou o senador Romero Jucá.

 

Para o deputado federal Edio Lopes, que iniciou o projeto de bovinocultura indígena em Roraima, a participação do senador Romero Jucá foi decisiva para garantir sua ampliação, levando gado para todas as comunidades de Roraima.

 

“Sempre digo que viver esse momento representa um sonho. Isso porque quando corremos atrás desse projeto, enfrentamos muitas dificuldades, inclusive de pessoas que questionaram porque trazer o gado para os indígena. Hoje, estamos fazendo a segunda entrega dessa leva de mais de 8 mil animais e sabendo que o gado é uma fonte de alimento, de renda e de autonomia para os nossos povos indígenas”. 

 

 

Acompanhamento Técnico – O projeto desenvolvido pela Funai tem duração de três anos. No primeiro ano, técnicos da Fundação farão um acompanhamento de quatro em quatro meses, levando sal, vacinas e outros insumos para atender ao rebanho. Apenas no último ano, é o que os indígenas poderão negociar os animais, tirando as fêmeas que reproduziram pouco ou trocando os machos que é algo comum nas comunidades. 

 

“Esse é o maior projeto de bovinocultura indígena do país que está sendo executado em Roraima. A pecuária é o carro chefe do projeto autossustentabilidade dos povos indígenas de Roraima, pela questão cultural e rotineira dos nossos indígenas que já criam gado. A Funai está apenas dando mais uma parcela de contribuição para a melhoria genética e ampliação do rebanho”, disse o superintendente da Funai, Armando Neto.

 

O prefeito de Bonfim, Joner Chagas também participou da entrega e agradeceu o apoio do senador Romero Jucá tanto para o projeto de bovinocultura quanto para outras ações que serão desenvolvidas em Bonfim. 

 

“A pecuária é base da nossa economia e com a vinda desse gado vamos aumentar a produção e promover o desenvolvimento para as famílias indígenas. Agradeço ao senador Romero Jucá pelo apoio a essa iniciativa e por também garantir recursos que vão ajudar a melhorar a infraestrutura do nosso município”.

Enviar comentário:



acompanhe o senador